Biblioteca Digital da UEM: Sistema Nou-Rau
Pgina Principal  Portugus   English  Español   Aumentar Texto  Texto Normal  Diminuir Texto
  Principal | Apresentao | Objetivos | Instrues Autores | Estatsticas | Outras Bibliotecas Digitais
  Sistema Integrado de Bibliotecas - SIB / UEM
Entrar | acessos | verso 1.1  
ndice
Pgina principal
Documentos
Novidades
Usurios

Aes
Consultar
Procurar
Exibir estatsticas

Procurar por:
Procura avanada

Dvidas e sugestes


Consultar: Evento

Incio > Produo Cientfica do Nuplia/PEA > Evento

Ttulo: Pesquisas, monitoramento e manejo da fauna aqutica em empreendimentos hidreltricos
Autor(es): AGOSTINHO, A.A.
Palavras-chave [PT]:

Fauna aqutica. Manejo. Monitoramento. Reservatrios. Brasil.
Resumo:
Introduo

A crescente demanda energtica e o desenvolvimento tecnolgico que permitiu o surgimento do concreto e as facilidades para movimentaes de terra levaram a proliferao de grandes represamentos que mudaram a dinmica de grandes cursos de gua, particularmente na bacia do rio Paran, que responde por aproximadamente 70 % da energia produzida no Pas (Agostinho, 1993). Os reservatrios hidreltricos brasileiros, que ate o final da dcada de 80 ocupavam uma rea de 23.847 km2, devero alagar mais 13.191 km2 at o final deste sculo (ELETROBRS, 1991).

No trecho brasileiro da bacia do rio Paran, onde os aproveitamentos hidreltricos so mais numerosos, a maioria dos afluentes de grande porte (Grande, Tiet, Paranapanema, Iguau) encontra-se virtualmente represada. O prprio rio Paran, com uma extenso de 809 km em territrio brasileiro, ter seu trecho ltico confinado a pouco mais de 200 quilmetros apos o fechamento da barragem de Porto Primavera, previsto para 1995 (Agostinho et al., 1993a). O reservatrio de Ilha Grande, cuja construo foi suspensa, eliminaria este ltimo segmento.

Um resultado inevitvel destes empreendimentos em relao fauna aqutica a alterao na abundncia das espcies animais, com proliferao excessiva de algumas e reduo ou mesmo eliminao de outras. O nvel do impacto sobre a diversidade biolgica relaciona-se principalmente s caractersticas da fauna local, localizao da barragem em relao rea de distribuio das populaes, morfometria da bacia (padres de circulao, profundidade, rea), existncia de outros aproveitamentos a montante, ao desenho da barragem e aos procedimentos operacionais da usina.

O fato de as comunidades cticas na rea de influncia dos reservatrios serem submetidas a perturbaes no cclicas relacionadas operao da barragem faz com que a marcante instabilidade na estrutura das comunidades, verificada durante os primeiros anos do represamento, se prolongue com intensidade e por perodo variveis, tornando-as gradativamente mais simples. A baixa diversidade ictiofaunstica e a reduzida importncia da pesca nos reservatrios mais antigos da bacia do rio Paran so fatos que devem decorrer deste processo (Agostinho, 1991). A despeito da complexidade e variabilidade dos processos vigentes em reservatrios, em grande parte resultante do escasso conhecimento que dispomos acerca do funcionamento de suas comunidades, possvel que, a partir de uma seqncia lgica de investigao, monitoramento e manejo, realizada com objetivos claros e concisos, este quadro possa ser revertido, mitigando o impacto do represamento sobre a diversidade e/ou rendimento da pesca.

Neste trabalho so feitas algumas consideraes gerias acerca dos impactos produzidos pelos represamentos, avaliados os procedimentos que vm sendo adotados na sua mitigao e apresentadas algumas alternativas de abordagem do problema...

Observao: O trabalho, na ntegra, poder ser visualizado no texto completo do trabalho digital.
Descrio:
AGOSTINHO, Angelo Antonio. Pesquisas, monitoramento e manejo da fauna aqutica em empreendimentos hidreltricos. In: SEMINRIO SOBRE FAUNA AQUTICA E O SETOR ELTRICO BRASILEIRO, 1994. Reunies temticas preparatrias. Rio de Janeiro: ELETROBRS: COMASE, 1994. p.38-59. Caderno 1: Fundamentos.
Cdigo: 315

Responsavel: salete
Categoria: Aplicao
Formato: Documento PDF
Arquivo: 025-COMASE-Agostinho.pdf
Tamanho: 1532 Kb (1569155 bytes)
Criado: 09-05-2008 08:58
Atualizado: 04-07-2008 16:06
Visitas: 2224
Downloads: 269

[Visualizar]  [Download]

Todo material disponvel neste sistema de propriedade e responsabilidade de seus autores.