Biblioteca Digital da UEM: Sistema Nou-Rau
Pgina Principal  Portugus   English  Español   Aumentar Texto  Texto Normal  Diminuir Texto
  Principal | Apresentao | Objetivos | Instrues Autores | Estatsticas | Outras Bibliotecas Digitais
  Sistema Integrado de Bibliotecas - SIB / UEM
Entrar | acessos | verso 1.1  
ndice
Pgina principal
Documentos
Novidades
Usurios

Aes
Consultar
Procurar
Exibir estatsticas

Procurar por:
Procura avanada

Dvidas e sugestes


Consultar: Programa de Ps-Graduao em Ecologia de Ambientes Aquticos Continentais

Incio > Dissertaes e Teses > Cincias Biolgicas > Ecologia > Programa de Ps-Graduao em Ecologia de Ambientes Aquticos Continentais

Ttulo [PT]: Fatores que determinam o comprimento da cadeia alimentar em reservatrios neotropicais : uso dos istopos estveis de C e 5N.
Autor(es): Alexandre Leandro Pereira
Palavras-chave [PT]:

Cadeia alimentar. Istopos estveis. C. 5N. Piscivoria. Onivoria. Reservatrios neotropicai. Reservatrio Governador Parigot de Souza. Reservatrio Ira. Reservatrio Santo do Vau. Reservatrio Segredo. Reservatrio Mouro. Reservatrio Rosana. Brasil.
Palavras-chave [EN]:
Food webs. Stable isotopes. C. 5N. Piscivorous. Onivorous. Neotropical reservoirs. Governador Parigot de Souza Reservoir. Ira Reservoir. Santo do Vau Reservoir. Segredo Reservoir. Mouro Reservoir. Rosana Reservoir. Brazil.
rea de concentrao: Cincias Ambientais
Titulao: Mestre em Cincias Ambientais
Banca:
Evanilde Benedito-Ceclio [Orientador] - Nuplia/UEM
Elizabeti Yurico Ceclio
Norma Segatti Hahn - Nuplia/UEM
Resumo:
Resumo: Estudos enfocando o fluxo de energia em ecossistemas tem sido a preocupao de vrios eclogos nas ltimas dcadas. Entre as questes mais amplamente discutidas destacam-se aquelas que buscam identificar os fatores que determinam o comprimento da cadeia alimentar em reservatrios neotropicais. Neste sentido, analisando a razo isotpica de nitrognio (δ5N) e carbono (δC), de peixes piscvoros e produtores primrios, em seis reservatrios do Estado do Paran, objetivou-se identificar os fatores que norteiam a variao no comprimento da cadeia alimentar. Associado a estes fatores indicadores, investigou-se ainda o efeito da estabilidade do ambiente sobre a onivoria e o seu potencial em ambientes menos produtivos. Para tanto, foram realizadas amostragens trimestrais de fevereiro a dezembro de 2002 nos reservatrios Governador Parigot de Souza, Ira, Santo do Vau, Segredo, Mouro e Rosana. Nestes ambientes, o comprimento da cadeia alimentar no se correlacionou significativamente com a disponibilidade de recursos, rea do reservatrio e a integrao produtividade-rea. Porm, a estabilidade do ecossistema, medida atravs da sua capacidade de desenvolvimento (overhead)(%), apresentou correlao no linear (R = 0,90), sendo que ambientes com valores intermedirios de capacidade de desenvolvimento tiveram os maiores comprimentos de cadeia. A espcie onvora, G. brasiliensis, apresentou menor posio trfica em ambientes mais estveis, sendo que o grau de produtividade do reservatrio no influenciou na diferenciao isotpica dos nveis trficos.
Data da defesa: 18/07/2005
Cdigo: vtls000157626
Informaes adicionais:
Idioma: Portugus
Data de Publicao: 2005
Local de Publicao: Maring
Orientador: Prof. Dr. Evanilde Benedito-Cecilio
Instituio: Universidade Estadual de Maring. Departamento de Biologia
Nvel: Dissertao (mestrado em Ecologia de Ambientes Aquticos Continentais) / UEM. Programa de Ps-Graduao em Ecologia de Ambientes Aquticos Continentais

Responsavel: admin
Categoria: Aplicao
Formato: Documento PDF
Arquivo: Pereira-Alexandre2005- ME.pdf
Tamanho: 500 Kb (512209 bytes)
Criado: 31-03-2008 17:53
Atualizado: 14-06-2012 10:06
Visitas: 3615
Downloads: 300

[Visualizar]  [Download]

Todo material disponvel neste sistema de propriedade e responsabilidade de seus autores.