Biblioteca Digital da UEM: Sistema Nou-Rau
Pgina Principal  Portugus   English  Español   Aumentar Texto  Texto Normal  Diminuir Texto
  Principal | Apresentao | Objetivos | Instrues Autores | Estatsticas | Outras Bibliotecas Digitais
  Sistema Integrado de Bibliotecas - SIB / UEM
Entrar | acessos | verso 1.1  
ndice
Pgina principal
Documentos
Novidades
Usurios

Aes
Consultar
Procurar
Exibir estatsticas

Procurar por:
Procura avanada

Dvidas e sugestes


Consultar: Programa de Ps-Graduao em Engenharia Qumica

Incio > Dissertaes e Teses > Engenharias > Engenharia Qumica > Programa de Ps-Graduao em Engenharia Qumica

Ttulo [PT]: Tingimento de seda com corante natural erva-mate (Ilex paraguariensis)
Ttulo [EN]: Silk dyeing with natural dye yerba mate (Ilex paraguariensis)
Autor(es): Fernando Giacomini
Palavras-chave [PT]:

Corantes naturais. Tingimento. Corantes naturais. Erva-mate (Ilex paraguariensis). Seda. Adsoro. Brasil.
Palavras-chave [EN]:
Natural dye. Ilex paraguariensis. Silk. Dyeing. Brazil.
rea de concentrao: Desenvolvimento de Processos
Titulao: Mestre em Engenharia Qumica
Banca:
Maria Anglica Simes Dornellas de Barros [Orientador] - UEM
Jos Celso Oliveira dos Santos - UEM
Ana Cladia Ueda - UTFPR
Pedro Augusto Arroio - UEM
Resumo:
Resumo: A erva-mate (Ilex paraguariensis) uma planta nativa da regio subtropical da Amrica do Sul, onde suas folhas so consumidas para o preparo de chs e de bebidas quentes e frias. A sua utilizao como corante devido presena de flavonoides, tais como a rutina e quercetina, alm de uma grande concentrao de taninos. O objetivo do presente trabalho foi estudar o processo de tingimento de tecido de seda com o corante natural extrado das folhas e talos tostados da erva-mate. Foram obtidas as condies timas, a cintica, isotermas e parmetros termodinmicos do tingimento. Os corantes naturais geralmente tm baixa afinidade para as fibras e geralmente so aplicados com mordentes que atuam como agentes de fixao, entre eles, sais metlicos de cromo, estanho e cobre, que so considerados txicos. Mordentes, como o almen de potssio e o tanino, apresentam aplicao ambientalmente segura, sendo estes empregados na pr-mordentagem neste trabalho. Concentrao de erva-mate de 20 g L-1, pH 3 e temperatura de 90 C produziram os melhores resultados de adsoro de corante e intensidade de cor no tecido. O almen de potssio provocou um aumento na adsoro do corante. No entanto, seu uso no influenciou na solidez lavagem, que foi considerada muito boa, com e sem mordente. Foi obtida uma cor marrom amarelada no tecido tinto, no mostrando alterao em relao ao mordente utilizado. O modelo de pseudo-segunda ordem foi o que melhor representou os dados cinticos do tingimento, indicando que o tingimento pode ser controlado pelo processo de quimissoro. Nas isotermas de adsoro do tingimento, o modelo de Langmuir-Freundlich pode ser utilizado para representar os dados de equilbrio, indicando uma contribuio significativa do processo de quimissoro em uma monocamada. Valores negativos obtidos para a energia livre de Gibbs (ΔG) mostraram que o processo de tingimento espontneo e valores positivos de entalpia (ΔH) e entropia (ΔS) permitiram concluir que o tingimento um processo endotrmico e com uma elevada variao de entropia. Assim, o corante obtido a partir de erva-mate pode ser uma fonte alternativa de corante sinttico para o tingimento de seda.

Abstract: Yerba mate (Ilex paraguariensis) is a native plant of the subtropical region of South America, where its leaves are consumed for the preparation of teas and hot and cold drinks. Its use as a dye is due to the presence of flavonoids, such as rutin and quercetina, as well as a large concentration of tannins. The objective of this work was to study the process of dyeing silk fabric with natural dye extracted from the leaves and stalks of roasted yerba mate. Optimal conditions, the kinetic, isotherms and thermodynamic parameters of dyeing were obtained. Natural dyes generally have low affinity with the fibers and are usually applied with mordants that act as fixation agents, including toxic metal salts of chromium, tin and copper. Mordants as potassium alum and tannin have environmentally safe application, being employed in pre-mordanting in this work. Concentration of yerba mate of 20 g L-1, pH 3 and 90 C produced the best results of the adsorption of dye and color strength of the fabric. The potassium alum caused an increase in the adsorption of the dye. Nevertheless, its use did not influence the wash fastness. A yellowish brown color was obtained in dyed fabric, showing no change whatever mordant used. The model of pseudo-second order best represented the kinetic data of dyeing, indicating that the dye can be controlled by the chemisorption process. The model of Langmuir- Freundlich can be used to represent the equilibrium data, indicating a significant contribution of the process of chemisorption in a monolayer. Negative values of the Gibbs free energy (ΔG) showed that the dyeing process is spontaneous and positive values of enthalpy (ΔH) and entropy (ΔS) indicate an endothermic process with and a high entropy change. Hence, the dye obtained from yerba mate can be an alternative source to synthetic dye for dyeing of silk.
Data da defesa: 16/06/2014
Cdigo: vtls000222958
Informaes adicionais:
Idioma: Portugus
Data de Publicao: 2014
Local de Publicao: Maring, PR
Orientador: Prof. Dr. Maria Anglica Simes Dornellas de Barros
Co-Orientador: Prof. Dr. Jos Celso Oliveira dos Santos
Instituio: Universidade Estadual de Maring Centro de Tecnologia. Programa de Ps-Graduao em Engenharia Qumica
Nvel: Dissertao(mestrado em Engenharia Qumica)
UEM: Departamento de Engenharia Qumica

Responsavel: elaine
Categoria: Aplicao
Formato: Documento PDF
Arquivo: Dissertao Fernando Giacomini.pdf
Tamanho: 2613 Kb (2676207 bytes)
Criado: 11-08-2016 15:21
Atualizado: 11-08-2016 15:54
Visitas: 379
Downloads: 9

[Visualizar]  [Download]

Todo material disponvel neste sistema de propriedade e responsabilidade de seus autores.